Pular para o conteúdo
Início » Como alcançar resultados com a estratégia de E-mail Marketing

Como alcançar resultados com a estratégia de E-mail Marketing

    A sua estratégia de e-mail marketing não tem o resultado que gostaria? Descubra como resolver essa questão de uma vez por todas! Conheça o que há por trás de boas campanhas de e-mails e melhore os seus resultados em pouco tempo.

         Como diria David Newman: “ O e-mail tem uma capacidade que muitos canais não conseguem: criar toques pessoais e valiosos em escala”.


        O envio de mensagens pelo correio eletrônico é uma estratégia de marketing utilizada desde 1990 para construir uma relação de confiança com clientes potenciais, melhorar a relação com clientes atuais e incentivar a lealdade deles. Através da estratégia, pode-se enviar ofertas, materiais ricos e até mesmo novidades relevantes para o seu público.


        E se você acha que o e-mail marketing ficou para trás ou até mesmo “morreu” (publicamos um post a respeito, você pode lê-lo clicando aqui), por ter um resultado ruim, está muito enganado, o canal está mais vivo que nunca, com tecnologia aprimorada e com características únicas.


        O público é enorme, de acordo com Pew Internet, cerca de 92% da população adulta tem e-mail e o acessa diariamente, e você pode impactar esse público de forma extremamente assertiva, tornando a venda uma consequência da sua comunicação com o e-mail marketing.


          Vale lembrar ainda, que o e-mail é a ferramenta de melhor custo benefício, então, se quer impactar muitas pessoas e ainda gastar relativamente pouco, aposte nisso.


          Porém, de nada adianta ter um meio de contato tão efetivo com seus leads e clientes e não usá-lo de forma inteligente, certo? Pensando nisso, vou comentar algumas práticas, tidas como essenciais para obter resultados efetivos com campanhas de e-mails. Vamos lá?

    Tudo começa com uma boa base de e-mail

    Nunca compre bases de e-mails! Tudo que é fácil é atrativo, mas não caia nessa, o resultado pode ser contrário ao que acha. Este erro clássico pode acabar com sua campanha, pois se trata de leads que não fazem ideia que sua empresa exista e pode acabar sendo categorizado como Spam.


          Pense da seguinte forma: como se sentiria ao receber um e-mail do nada de alguém que não conhece, falando sobre algo que não é de seu interesse?

           Além de ter uma péssima impressão, se sentiria invadido.

        De nada adianta criar uma copy magnífica e encaminhá-la ao público errado. Então crie a lista de e-mails da sua empresa Para isso use Landing pages, formulários ou posts blogs, solicitando o e-mail em troca de um material rico, por exemplo.

    Segmente, segmente e novamente, segmente!

    Após conquistar a sua base de leads, poderá manter a comunicação ainda mais assertiva. Enviando a mensagem certa, ao público certo e no momento certo, dessa forma o seu conteúdo será pertinente e relevante.


    Por mais que a lista seja composta de pessoas que se interessam por seus produtos, elas podem estar em momentos diferentes (Lead, cliente, oportunidade).


    Como assim? Algumas pessoas mal conhecem o seu produto, outras já estão preparadas para a primeira compra e existem ainda as que nem sabem que possui um problema a ser resolvido.

    Monte campanhas de acordo com o momento e mantenha a sua lista quente.

    • Pode segmentar de acordo com:
    • Estágio do lead;
    • Clientes e não clientes;
    • Ultima Compra;
    • Não compra a “X tempo”;
    • Por produtos que já comprou;
    • Cargos;
    • Por cidade;
    • Idade.

    Tudo dependerá do modelo do seu negócio.

    Crie um assunto matador no e-mail marketing

    O que leva o seu e-mail a se destacar em uma caixa lotada de mensagens com certeza é o assunto. Ao criá-lo, seja inovador e nada de usar frases comuns!

     Dicas para melhorar o assunto do seu e-mail:

    • Não use termos como promoção, desconto ou grátis;
    • Personalize ao máximo. Use o primeiro nome ou o nome da empresa, por exemplo;
    • Use perguntas;
    • Deixe seu lead/cliente curioso;
    • Seja objetivo;
    • Use adjetivos, palavras-chave(o que as pessoas buscam na internet), resultados e benefícios;
    • Preste atenção a quantidade de caracteres, em dispositivos móveis, assuntos muito longos podem ser cortados e ficar sem sentido.

    Conseguiu a atenção, agora o surpreenda no corpo do e-mail!

    Para isso, comece dando ênfase ao preheader. O preheader é um pequeno resumo sobre o conteúdo do e-mail, a partir dele, o leitor saberá se aquela copy é ou não para ele.

    Preheader: Nosso encontro de amanhã às 19h35

    Para ficar mais próximo do leitor, nada melhor que chamar pelo primeiro nome e começar com um “oi”, seguido por sua mensagem.


    Certifique-se que seu conteúdo é relevante para aquela pessoa. A maioria dos e-mails que recebemos, parecem propagandas, e definitivamente não é isso que quer para sua campanha, é desagradável. Ao invés disso, cuide para construir um conteúdo com dicas valiosas para que ao final possa fazer suas ofertas de forma natural.

    Seguem mais dicas para o sucesso da sua copy no e-mail marketing:
    • Use texto e imagens;
    • Emojis são bem-vindos para que o texto fique mais vivo e animado;
    • Evite caixa-alta, texto em vermelho e palavras que levem seu e-mail a se tornar spam;
    • Os gifs também fazem sucesso;
    • Fique disponível para responder perguntas, receber elogios ou críticas (coloque um link para isso).

    CTA (Call to Action)

    Sabe aquele botão que você vê por ai nos textos dos e-mails, em finalização de compras onlines ou para fazer login em sites? Isso é um CTA.

    Um CTA (Call to Action), nada mais é que uma chamada para ação. 

    Para que seu lead se torne cliente, é essencial que o texto seja bem elaborado e faça sentido. Nele você deve expor, em poucas palavras, qual a proposta da oferta em questão.

    Dicas para um bom texto de CTA:

    • Use verbos no interativo;
    • Seja específico;
    • Use o gatilho da urgência, com as palavras“ hoje” ou “agora”;
    • Para evidenciar benefícios, pode utilizar números;
    • Ofereça sempre algo de valor para seu público.

    Em poucas palavras, é possível afirmar que e-mail marketing ainda é uma forma eficaz e rentável de entregar conteúdo para seu público-alvo e de quebra realizar vendas.


          Como Robert Collier, dizia:
    “O sucesso é a soma de pequenos esforços, repetidos dia a dia”.
         Dessa forma, o que indicamos são testes. Por mais que boas dicas foram disponibilizadas, não será da noite para o dia que seu e-mail se tornará o melhor do mundo, teste é o carro chefe do marketing.
         Baseie-se em dados! Verifique todos os dados disponíveis sobre as suas campanhas de e-mails. Taxas de entrega, abertura, cliques e spams, te indicam o caminho a seguir.
        Agora é com você: coloque tudo que leu em prática e conquiste mais resultados.


    Antônio Carlos Nogueira é Profissional de Marketing e Comunicação com mais de 15 anos de experiência. Apaixonado por estratégia, comportamento do consumidor, alucinado por Marketing Digital e fã incondicional de automação de Marketing